20° COPA LIBERTADORES DO NORDESTE GAÚCHO – 2020 / Regulamento e Tabela

                                  REGULAMENTO GERAL

             

20 ª COPA LIBERTADORES DO NORDESTE GAÚCH0 – 2020

                          

 

CAPITULO I   –  DOS OBJETIVOS

 

ART.1º. – A 20ª. Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho – Edição 2020 terá os seguintes objetivos :

  1. – Integrar através do Esporte , as agremiações amadoras da região Nordeste do Estado do Rio Grande do Sul, fazendo da prática esportiva um elo de amizade, educação, saúde e respeito ao próximo;
  2. – Promover o encontro entre os atletas, desenvolver e aprimorar física, tática, moral e intelectualmente a  prática  do esporte amador e integrar as comunidades da Região Nordeste do Estado do Rio Grande do Sul ;
  3. – Proporcionar horas de lazer e recreação sadias para as comunidades participantes.

 

CAPITULO    II   –   DA ORGANIZAÇÃO E COORDENAÇÃO

 

ART.2º. – A 20ª. Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho foi idealizada e será organizada e dirigida pela Liga Serrana de Futebol  , com apoio da Federação Gaúcha de Futebol (FGF) – o que lhe caberá o seguinte.

  1. – Planejamento , execução e avaliação da Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho .
  2. – Organizar o carnê da Copa .
  3. – Tomar as providências de ordem Técnica e administrativa relacionadas à realização desta Copa.
  4. –Aplicar o Regulamento e as punições automáticas.
  5. –Aprovar os jogos realizados após tomar conhecimento do relatório e súmula do Árbitro ,  quando não houver incidentes ;

 

ART.3º .- As Associações participantes da Copa, comprometem-se em observar as disposições deste regulamento, bem como as demais resoluções da LISF Liga Serrana de Futebol,  bem como a Legislação dos órgãos superiores do esporte. E vale ressaltar que nenhuma associação poderá recorrer a Órgãos superiores como Tribunal da FGF e nem a Justiça Comum para contestar  alguma decisão da Liga.

 

CAPITULO III      –        DA REALIZAÇÃO

 

ART.4º. – A 20ª. Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho ,  será disputada por todos os clubes que tenham alcançado destaque nos campeonatos  reconhecidos pelos seus municípios e pela Liga mais os convidados observando alguns critérios tais como participação em competições anteriores com  infra  estrutura de campo e tradição, e  que satisfaçam algumas condições mínimas , tais como:

  1. – Ter participação exitosa em campeonatos reconhecidos pelos seus municípios de origem.
  2. – Ter diretoria idônea , comprovada com documentos dos representantes .
  3. – Ter personalidade Jurídica (Estatutos Sociais) apresentar cópia da ata da eleição da diretoria ou apresentado  pela Prefeitura do município sede como seu representante.
  4. – Ter alambrado com no mínimo dois metros de altura. Ter vestiários para o trio de Arbitragem e  para a equipe visitante , equipado com chuveiro quente , vaso sanitário, banco ou cadeiras. Estes vestiários devem estar limpos e em boas condições de uso.
  5. – Adotar na praça de esportes as marcações oficiais do campo . ter  sanitários para o público .
  6. – Ter uma maca disponível em campo para retirar os atletas lesionados bem como as placas para substituições.
  7. – O Clube que não possuir campo próprio , deverá  apresentar uma autorização do proprietário onde conste a liberação do campo até o final da Libertadores do Nordeste Gaúcho.

 

ART.5º. – A fórmula de disputa da Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho será  discutida , elaborada e aprovada juntamente com os participantes em reunião realizada para tal fim e oficializada em ata.

 

ART.6º. – Os jogos da Copa Libertadores serão realizados na sede e no interior dos municípios envolvidos.

 

ART. 7º. – Todos os jogos da 20ª Copa Libertadores obedecerão ao respectivo carnê, e os que não se realizarem por motivo de mau tempo , decisão do árbitro, ou comunicação especifica da liga , ficam automaticamente transferidos para o meio de semana quando possível conseguir campo com iluminação tornando a ordem da rodada seguinte inalterada. Ou este jogo será marcado o mais breve possível pela direção da Liga .

 Parágrafo  Primeiro : Em caso de chuva no dia do jogo o mesmo só poderá ser transferido até o meio dia e será comunicado as duas equipes pela direção da Liga para evitar que a equipe visitante viaje e não saia jogo,  porém após este horário somente o Arbitro é a pessoa que pode cancelar jogo por falta de condições no local da partida .   

Parágrafo Segundo : Em caso de cancelamento total da rodada, a mesma será realizada no final de semana subsequente.

 

Art.8º. – A  escolha dos campos para a realização dos jogos finais constantes do carnê obedecerá os seguintes critérios :

  1. Em jogos finais ou extras a direção da liga poderá escolher campo que não seja o dos finalistas se os mesmos não oferecerem condições de segurança ou venham apresentar dificuldade de ser realizada uma final por falta de acomodações para os torcedores.
  2. – os jogos da 20ª. Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho a partir dos mata-mata (Finais) ,obedecerão os seguintes critérios: O primeiro jogo será na casa da equipe de pior colocação na disciplina e o segundo na casa da melhor disciplina em toda a competição com todas as vantagens para a equipe mais disciplinada.

 

ART.9º. – A contagem de pontos por jogo será a seguinte:

Vitória três pontos

Empate um ponto

Derrota zero Ponto

 

  1. A) A contagem de pontos para efeito de disciplina, será a seguinte :

1) Cartão  Amarelo                           10 pontos

2) Cartão Vermelho                          30 pontos

3) Expulsão  de dirigente                  30 pontos

4) Citação da torcida                         30 pontos

5) Invasão a campo                         100 pontos

6) Agressão a arbitragem                200 pontos

7) Abandono da Copa                   1000 pontos

 

  1. B) A associação que no decorrer da Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho atingir a 600(seiscentos) pontos negativos na disciplina para continuar disputando deverá pagar uma multa de um salário mínimo sem redução e a cada 250(duzentos e cinqüenta) pontos excedentes , implicará o clube infrator uma multa de ½ salário mínimo para poder continuar disputando.

 

ART.10º.- É autoridade para suspender ou transferir jogos, os organizadores da Liga Serrana , levando os elevados interesses da competição, só serão cancelados jogos por motivo de chuvas ou força maior até as 12 horas do dia do jogo. Fora disto só o Árbitro no local é a única pessoa autorizada  a  cancelar o jogo .

 

ART. 11º. – O clube que não comparecer ao campo para a disputa de uma partida oficial, sofrerá as seguintes punições;

  1. a) Além das demais sanções prevista   neste  Regulamento ,multa de 01(UM) Salário mínimo sem redução .
  2. b) Eliminação da Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho 2021..
  3. c) Afastamento das competições pelo período de 2 (dois) anos.

Parágrafo Único: O clube que deixar de comparecer a alguma partida oficial devido acidentes ou outros motivos que justifiquem como de força maior ficaram  isentos de punição.

 

ART. 12º.– Os clubes deverão obedecer rigorosamente á ordem  e local dos jogos  conforme carnê . Sendo expressamente proibido qualquer tipo de comum acordo, transferências, inversões, de mando ou mudanças dos locais do jogo, sem o prévio consentimento por escrito do organizador.

 

ART.13º.- Os jogos serão disputados, preferencialmente no período da tarde, aos domingos. Em caráter excepcional a Liga Serrana reserva-se o direito de marcar os jogos aos sábados e também nos feriados desde que atenda o interesse dos participantes.

 

ART.14º. Os jogos terão inicio as 15:30 hrs,  com 15 minutos de tolerância em toda a fase classificatória e no jogo  de ida das finais, porém no jogo de volta da Final o horário passa a ser as 15:00 horas, com 15 minutos de tolerância, devido a possível necessidade de pênaltis.

 

Art.15º – O clube mandante do jogo terá que apresentar 3 (três) bolas  em boas condições, de preferência novas que serão ou não aprovadas pelo Arbitro.  O clube também deverá disponibilizar uma maca para atendimento de atletas  lesionados , pois toda a vez que o jogo for  interrompido  para atendimento o atleta deverá ser atendido fora do gramado.  O não cumprimento deste item o que se refere  as  bolas e a falta de maca acarretará se relatada pelo Árbitro uma multa  de R$ 50.00  .

 

ART.16º. – A Associação em cujo campo venha se realizar uma partida terá que providenciar o seguinte;

  1. -Marcar o campo bem visível , colocar redes nas goleiras , colocar as quatro bandeiras de canto.
  2. –Colocar mesa e cadeiras e material necessário para o trabalho dos mesários.
  3. –Colocar no vestiário da Arbitragem no mínimo 3(três) água mineral .
  4. –Colocar quatro pessoas (Seguranças) identificadas com colete e identificadas na súmula com carteira de identidade maiores de 18 (dezoito) anos que serão os responsáveis pelo bom andamento do Jogo dentro das quatro linhas.
  5. – o não cumprimento de qualquer dos itens anteriores se relatados pela arbitragem ou fiscais da Liga causará uma multa de R$150,00.

 

ART. 17º – Os jogos poderão ser suspensos, ou mesmo deixarem de ser realizados , quando ocorrer um dos seguintes motivos;

  1. Falta de Luz natural.
  2. Chuvas intermitentes , temporais , mau estado do gramado que torne impossível a bola rolar,
  3. Falta de garantia positivamente verificada pelo Árbitro.
  4. Conflitos ou distúrbios graves que afetem o andamento da partida.
  5. Como autoridade o Arbitro antes de decidir suspender o jogo deverá tomar todas as medidas a seu alcance , tais como consultar os dirigentes envolvidos para que tomem providencias para a continuidade do jogo . Somente  após isto e passados de cinco a quinze minutos toma a decisão e depois relata os fatos não cabendo ao Arbitro indicar vencedor.
  6. Quando uma partida for suspensa ou interrompida por qualquer dos motivos previstos nas alíneas “3 e 4” deste Artigo, observa-se o seguinte;

I- Se a Associação que houver dado causa a suspensão era na ocasião vencedora será declarada perdedora e sua adversária  será declarada vencedora prevalecendo o placar do momento da suspensão.

II- Se a partida estiver empatada a associação que houver dado causa a suspensão, será perdedora dos pontos deste jogo por WO e o placar  será de 1 x 0 em favor  de seu adversário.

 

ART.18º. _As partidas suspensas antes de esgotado o tempo regulamentar por motivos enunciados nas Alíneas “1, 2” do artigo anterior  voltarão a ser jogadas, integralmente , se nenhuma das equipes houverem dado causa a suspensão. Cabe a Liga Serrana , designar dia , hora e local para uma nova partida.

a)- Se a suspensão prevista neste artigo  ocorreu nos últimos 15(quinze) minutos, esta será mantida , prevalecendo  o escore ou seja o resultado no momento da paralisação.

b)-Se a suspensão ocorreu antes dos 30(trinta) minutos do segundo tempo a partida será ignorada e realizar-se-á uma nova partida .

Parágrafo Único : Na nova partida ambas as equipes poderão se utilizar  de atletas  devidamente inscritos  e em condições não sendo obrigado repetir os atletas do jogo anterior tendo em vista que o jogo não existiu .

 

ART. 19º – Nem uma equipe poderá iniciar e nem dar continuidade a uma partida da Copa Libertadores com menos de sete  atletas .

Parágrafo  Primeiro : .Nesta hipótese o Arbitro aguardará 30 minutos após o horário determinado para o inicio da partida . Finalizado este prazo,  a equipe regularmente presente será declarada vencedora por WO e o placar  será de 1 x 0.

Parágrafo Segundo : Se o fato acontecer com as duas equipes  ambas serão declaradas perdedora por WO (1 x0) . Se for no decorrer do jogo o Arbitro aguardará 15 minutos e  se não se completar  o número de atletas encerra-se o jogo . mas  se for só uma equipe  que tiver incompleta a outra  se tiver vencendo continua com o placar e se tiver perdendo passará ser vencedora por WO  1x 0.

 

ART.20º. – A equipe   que não possuir 11 atletas no inicio da partida mas iniciar com um número superior a 7,  poderá no decorrer do jogo completar os 11, mas não terá direito de ter nenhum reserva .

 

ART.21º .- Em todas as partidas o clube locatário terá que designar uma pessoa para receber a delegação visitante e  acompanhá-la  até o final do jogo para evitar conflitos com a torcida adversária. O não cumprimento deste item , quando denunciado  em súmula , acarretará em advertência e dedução de  30(trinta) pontos na disciplina .

 

CAPITULO  IV  –   DA  ARBITRAGEM

 

ART. 22º. – A Arbitragem  dos jogo da 20ª Copa  Libertadores do Nordeste Gaúcho ficará a cargo dos organizadores;

  1. Em caso da arbitragem não comparecer até 30 minutos após o horário estipulado para o jogo os dois dirigentes   devem reunir-se e tentar encontrar uma  pessoa que de comum acordo possa apitar o jogo . se   não for possível um acordo ou não haver no local uma pessoa capacitada para apitar . Este jogo deverá ser marcado em outra data e conforme a situação a Liga ou a arbitragem responsabiliza-se pela despesa do visitante.

 

Art.23º. Após   a   realização da partida o arbitro deverá assinar a súmula e entregar ao capitão de cada equipe a papeleta(ou segunda via da sumula) aonde deverá constar o nome de todos os jogadores advertidos com cartões amarelo e os expulsos, e depois entregar ao departamento responsável da Liga  ainda no dia do jogo constando todos os acontecimentos referente ao jogo.

Parágrafo Único : o arbitro antes de iniciar o jogo tem que juntamente com o mesário conferir se todos os atletas que estão dentro de campo já assinaram para só após dar inicio ao jogo.

 

ART.24º .-Todo o clube ou torcida que danificar a condução do trio de Arbitragem de dirigentes da Liga ,bem como também a condução da delegação adversária uma vez comprovada e denunciada na delegacia de policia  ressarcirá aos prejudicados toda a despesa , pagando em favor da liga uma multa de 1(um ) salário mínimo sem redução .

Parágrafo Único : o não cumprimento deste artigo acarretará ao clube infrator, a suspensão do campeonato independente das demais penalidades que lhe serão aplicadas pela Junta Disciplinar.

 

Art.25º. – A súmula será preenchida pelo  mesário , em letra legível ou de forma com o nome .das fichas dos atletas e C.I. dos Dirigentes , Massagistas , seguranças e maqueiros .  Para que se houver alguma ocorrência anormal  possam ser identificados e penalizados pela organização.

Paragrafo Único  –  Não poderá ser feito nenhum protesto em súmula, e se houver  alguma contestação deverá ser enviada  à direção da Liga dentro das próximas 24 (Vinte Quatro) Horas úteis em papel timbrado do clube e assinado pelo Presidente .Que terá uma resposta imediata da Liga em nota oficial que poderá ser acatada ou não  . Caso queira impetrar um recurso terá  48 (quarenta e oito) horas úteis  para fazer mediante o depósito de uma Taxa de 1 ½ Salário mínimo para que a Junta Reúna-se para Julgamento.

 

Art. 26º. – Se ocorrer das duas equipes envolvidas na partida, apresentarem-se com fardamento igual, ou  muito parecido, e que seja necessário a  troca, por definição do árbitro;  a troca será efetuada pelo Locatário .

 

CAPITULO  V  –   DOS ATLETAS

 

Art.27º .- Somente  poderão disputar a 20º Copa Libertadores do Nordeste Gaúcho atletas que não estejam  cumprindo pena de suspensão  por agressão a Arbitragem em Campeonatos Oficiais. Não poderão ser inscritos atletas com condição profissional que tenham assinado súmula de jogos oficiais entre profissionais na temporada  de 2020.

 

Art. 28º. – Os atletas  deverão assinar a súmula na presença do mesário apresentando a sua ficha e após a assinatura não poderá mais retornar ao vestiário a não ser com a autorização do Arbitro.

Parágrafo Primeiro : Podem assinar a súmula todos os atletas que estejam fardados   e com  numeração sem ser repetida, sendo 11 titulares e permanecer no Banco de Reservas  mais 11(Onze) atletas, num total de 22 (Vinte e  dois) .  Poderão ser feitas 6 (seis) substituições (cinco mais o goleiro) durante a partida.

Parágrafo Segundo:   Será obrigatório o uso de Caneleiras . 

Parágrafo Terceiro:  Poderão permanecer no ambiente da partida (dentro do espaço de alambrado):

  1. a) – Representantes da Liga Serrana.
  2. b) – Integrantes de órgãos de imprensa devidamente identificados .
  3. c)– Um Técnico, um massagista, um dirigente ou preparador físico, e um médico(devidamente credenciado) de cada equipe identificado em súmula ( em seu espaço de reservado ) .

 

Art. 29°  –  Cada equipe poderá inscrever no máximo 30(Trinta) Atletas , sendo que antes do inicio da  competição todas  as  equipes devem ter no mínimo 22 atletas inscritos, e o prazo final para inscrição será até a Quinta-Feira da semana que antecede o quinto jogo da equipe na  fase classificatória, ou seja a quinta rodada, e  a Liga terá uma relação dos inscritos de cada equipe .  Após esta  data , a equipe somente poderá inscrever mais 8 (oito) atletas, mesmo que tenha inscrito menos de 22 atletas até o dia do inicio da competição. Sendo que  para  participar dos  jogos  das  finais o Atleta tem que  ter participado (Assinado  súmula) em no mínimo  duas  partidas da  fase  classificatória, com isto não é  possível  ser inscrito nenhum atleta  somente  para  as Finais .

 

Parágrafo Primeiro:  Dentro  deste número limite (30 atletas) de inscrição cada equipe pode  inscrever seis  atletas  que não  sejam Naturais do Município que  a equipe represente.

Sendo  que a  equipe  do E C. Ferroviario de Nova Pádua por  ser município  emancipado de Flores da Cunha, originalmente passam  os  atletas nascidos  em Flores da Cunha e mais os  atletas que já  disputaram a Libertadores em alguma  edição por esta agremiação, a ser  considerados como vinculados  ao município.

  A S.E. Progresso de São Marcos,  a  exemplo do Ferroviário , encontra-se também com a mesma  situação de atletas de fora  que já  disputaram Libertadores pelo clube sendo considerados com vinculo ao município.  

 

Parágrafo Segundo:  É  exigência  para  a inscrição a ficha  devidamente preenchida  e assinada, acompanhada de  carteira  de Identidade  ou xérox da  mesma mais  documentos que comprovem a  condição  de naturalidade, acompanhada  de  duas fotos  atuais.

 

Paragrafo Terceiro:  Considera-se  apto a participar  como do município, os Atletas nas seguintes condições :

  • Nascidos no Município
  • Trabalhar no Município a  partir  de 30 de novembro  de  2019.
  • Ter  jogado  o último campeonato municipal,ou alguma edição da  Copa Libertadores  pela equipe disputante,  com apresentação  de documento comprobatório.
  • Possuir Titulo  de Eleitor  do Município; Conta de água ou luz do  Município
  • Ser filho de  pais naturais do Município
  • Ser  casado  com cônjuge do Município 

 

IMPORTANTE :  A condição de jogo, através de toda verificação das condições expostas no Parágrafo Terceiro, do Artigo 29 , será feita pela Liga , com a publicação do nome do Atleta  no Site, e disponibilização da Ficha a equipe detentora do atleta, para apresentação da mesma ao mesário. Sem a  apresentação da mesma no site não tem condição legal de jogo.(se por ventura a ficha ainda não tiver com o clube mas o nome do mesmo já conste no site da liga,tem condições de jogo.)

 

 

 

 

CAPITULO  VI  –   DAS PENALIDADES

 

Art. 30º. – As infrações Disciplinares serão julgadas na forma prevista pelo presente Regulamento e pelo CBJD .

 

Art. 31º. – O atleta  que completar  o terceiro  cartão amarelo ficará suspenso por um jogo .

Páragrafo Único : Ao término da fase classificatória, serão zerados os cartões amarelos recebidos até o final da mesma. Menos  os Cartões Vermelhos.

 

Art.32º– O atleta que receber cartão vermelho além de ficar fora um ou mais jogos conforme enquadramento no Regulamento, terá que pagar , uma multa de R$ 50,00  na primeira vez, sendo que cada vez que for expulso novamente, o valor da multa é dobrado .

 

Art. 33º. O atleta que agredir a arbitragem ou elementos da organização será eliminado da copa e terá ocorrência registrada na Policia.

 

Art 34º.- A não observância das disposições deste Regulamento ,sujeitará as  equipes as seguintes penalidades que serão aplicadas pela Direção da Liga Serrana de Futebol.

a)- Advertência por escrito .

b)- Perda de mando de Campo .

  1. c) –Desligamento automático ,temporário ou definitivo da Copa.

 

Art. 35º. – A agressão física consumada ao trio de Arbitragem por parte de dirigentes , torcedores de alguma equipe , ocasionará o desligamento da copa, caberá registro de ocorrência na policia acompanhada de Laudo Médico sendo os agressores punidos na Justiça Comum.

 

Art.36º.- Massagista , técnico ,dirigente , maqueiro, segurança ,quando citados em súmula ,serão punidos com no mínimo um jogo de suspensão. O clube perderá 30 pontos na disciplina e pagará R$ 50,00 para poder voltar a ficar no banco.

Parágrafo Único : Toda a punição de jogador ,massagista , técnico ou dirigente que agrediu a arbitragem o clube será multado com 1(um) salário mínimo por agressor sem redução.

 

Art.37º. – A Agressão física á arbitragem poderá ser relatada  até  24 Horas após a partida pelo arbitro em relatório ou na súmula , levando os infratores a serem julgados.

 

Art.38º. Quando ocorrer um ato de indisciplina antes de iniciada a partida o atleta infrator será impedido  de  Jogar sendo Expulso. No entanto outro jogador inscrito na súmula entrará em seu lugar e não contará como substituição.

 

Art.39º.- Para todo o ato grave de indisciplina , a  Liga poderá determinar a perda do mando de  campo por quantas partidas considerar necessário além de aplicar multa em dinheiro baseado no salário mínimo.

Parágrafo Único  -O ato reiterado de atirar objetos ou líquidos pela torcida contra o trio de Arbitragem ou contra o banco de reservas enquanto a partida tiver em andamento , acarretará ao clube responsável  a perda de 100 pontos na disciplina ,e multa de R$ 50,00 .

 

Art. 40º.- A Liga Serrana é a organizadora da competição, mas não se responsabilizará por conflitos que gerem danos físicos dentro de campo e sim as duas equipes envolvidas.

 

Art.41º. – A associação que tiver denunciada em súmula a invasão a campo por parte da sua torcida ,devidamente identificada, pagará uma multa de R$ 200,00 perderá 10 pontos na disciplina e perderá o mando de campo para o próximo jogo.

 

Art.42º. – Quando um clube abandonar a Copa ou for afastado da competição os resultados por ele obtido continuarão e os jogos que faltavam será vencido pelo adversário no carnê por WO (1×0)

 

Art.43º.- As infrações disciplinares  serão processadas e julgadas pela diretoria da Liga Serrana ou pela JJD., conforme regulamento.

Parágrafo Único : Os casos omissos deste Regulamento serão julgados conforme disposições do CBJD  .

 

Art, 44º .- Todo o atleta expulso ou citado em súmula ou relatório anexo, será enquadrado automaticamente nas seguintes penalidades.

  1. a) -Citação de irregularidade em súmula ou relatório……………  1 jogo
  2. b) -Ofensa moral ao arbitro ou auxiliares ………………………..   1 jogo
  3. c) –Praticar jogada violenta em disputa da bola………………….   1  jogo
  4. d) –Acertar carrinho por trás na disputa da bola…………………   1  jogo
  5. e) -Agressão ao adversário fora da disputa da bola……………..   2  jogos
  6. f) –Praticar gestos obscenos ……………………………………….     2  jogos
  7. g) – Tentativa de agressão a arbitragem………………………….     3  jogos
  8. h) –Participar ou ser responsável de tumultos e brigas ……..     3  jogos
  9. i) – Agressão ao Arbitro ou auxiliares(com Registro policial)     120/360 dias
  10. j) –Agressão ao arbitro (sem registro policial)…………………     60/180 dias

 

Parágrafo Único : toda a expulsão acarretará multa em dinheiro conforme Regulamento que deverá ser paga antes da rodada seguinte sob pena da não sair o jogo.

 

Art.45º. – As associações terão até 24 horas úteis para encaminhar protestos a direção da liga sem custos. Que imediatamente dará seu parecer por escrito através de medida administrativa.

Parágrafo Único :  As Associações terão até 48 horas úteis para encaminhar recursos contra as decisões  da Liga , proferidas através de medidas administrativas com o seguinte procedimento ; pagamento de 1 salário mínimo e meio  pagos a Junta de Justiça Desportiva , juntamente com um oficio em papel timbrado  com a assinatura do presidente , para que seja feito julgamento .

 

Art. 46º. – As duas equipes tem que estar em campo 10 minutos antes do horário determinado . A partir do 15º Minuto de tolerância será cobrado R$ 5,00 de multa por minuto de atraso.

 

Art. 47º  – As despesas de Transporte da Arbitragem ficam a cargo da equipe que joga em casa e deverá ser paga ao mesário antes do jogo mediante a apresentação de recibo. Bem como também as multas se ocorrerem devem ser pagas ao mesário.

 

Art. 48º – Os clubes participantes da 20ª. COPA LIBERTADORES DO NORDESTE GAÚCHO  tem o dever de RECONHECER a Liga Serrana de Futebol como dirigente de futebol nas circunstâncias e circunscrições de sua competência e deverão cumprir  também as exigências constantes neste REGULAMENTO.

 

 

PREMIAÇÃO

 

1º   Lugar  Campeão               Troféu e 30 medalhas.

2º   Lugar  Vice campeão        Troféu e 30 medalhas.

Goleiro menos  vazado           Troféu

Goleador                                 Troféu

Atleta destaque                       Troféu

Treinador   destaque              Troféu

 

CRITÉRIOS   DE  DESEMPATE  –   FASE  CLASSIFICATÓRIA

  1. – Maior Número de Vitórias
  2. – Confronto Direto ( Maior soma de pontos nos dois jogos)
  3. – Saldo de Gols
  4. – Ataque mais Positivo
  5. – Defesa Menos Vazada
  6. – Melhor Disciplina
  7. – Sorteio

 

FÓRMULA

 

A  20ª COPA LIBERTADORES DO NORDESTE GAÚCHO –  2020  será  disputada  por  4 equipes  de  4 cidades  de  nossa  região ,  e  terá  uma chave  única onde as equipes  jogarão dentro da  chave  em  turno e returno,   totalizando   6 (seis)  jogos  para cada  equipe , classificando  2 (dois) clubes  para  disputa  das Finais.

Nas Finais, como critério de desempate, valerá saldo de gols simples, sendo que se houver  igualdade em pontos e saldo de gols ao final dos dois jogos,  a  decisão irá para  os  pênaltis.(com cinco cobranças  alternadas, e persistindo  o empate uma  cobrança de cada equipe  até haver uma vantagem).

A definição do mando de campo, do segundo jogo das  Finais, será baseada no critério de disciplina, onde o mando do  segundo jogo  será da equipe de menor pontuação na disciplina, conforme contagem de pontuação baseada no Artigo 9 deste Regulamento.

Ao final da  1° Fase, e de Classificação,  se formará  os seguintes confrontos :

Finais com  Jogos de  Ida e Volta

1º colocado    x    2º Colocado

 

TABELA –  COPA LIBERTADORES DO NORDESTE GAÚCHO – 2020

Horário dos Jogos  :  15:30 Horas

1ª FASE

1ª rodada –  01/Março

E.C. FERROVIÁRIO      X       E.C. GAÚCHO      –     NOVA PÁDUA – RS

AMIZADE/OLARIA       X       S.E. PROGRESSO  –    CAXIAS DO SUL – RS

 

2ª rodada  – 08/Março

S.E. PROGRESSO         X        E.C. FERROVIÁRIO     –    SÃO MARCOS – RS

E.C. GAÚCHO               X         AMIZADE/OLARIA     –    IVOTI – RS

 

3ª rodada  –   15/Março

E.C. FERROVIÁRIO      X        AMIZADE/OLARIA   –    NOVA PÁDUA – RS

E.C. GAÚCHO                 X        S.E. PROGRESSO       –    IVOTI – RS

 

4ª rodada  –   22/Março

AMIZADE/OLARIA       X         E.C. FERROVIÁRIO  –  CAXIAS DO SUL – RS

S.E. PROGRESSO           X          E.C. GAÚCHO            –  SÃO MARCOS – RS

 

5ª rodada  –   29/Março

E.C. FERROVIÁRIO        X          S.E. PROGRESSO     –   NOVA PÁDUA – RS

AMIZADE/OLARIA        X          E.C. GAÚCHO           –   CAXIAS DO SUL – RS

 

6ª rodada  –   05/Abril

S.E. PROGRESSO           X           AMIZADE/OLARIA      –     SÃO MARCOS – RS

E.C. GAÚCHO                  X            E.C. FERROVIÁRIO    –         IVOTI – RS

 

FINAIS  

IDA   e   VOLTA